TRE-MT recebe Selo do Justiça em Números

Selo Justiça em Número CNJ 2016

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) foi agraciado com o Selo do Justiça em Números – na categoria bronze. O certificado é concedido, anualmente, pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), como reconhecimento aos Tribunais que investem na excelência da produção, gestão, organização e disseminação de suas informações administrativas e processuais.

O recebimento do Selo significa também que o TRE-MT encaminha adequadamente ao CNJ as informações solicitadas. Os dados são encaminhados por meio do Sistema de Estatística do Poder Judiciário (SIESPJ) com atenção aos prazos de preenchimento e consistência de dados.

Outro ponto analisado pelo CNJ para a concessão do Selo é o nível de informatização do Tribunal, e se o mesmo faz uso de relatórios estatísticos para a elaboração do planejamento estratégico e se está cumprindo as resoluções do Conselho de forma alinhada à gestão da informação.

 

Corregedor Eleitoral recebe selo durante o 10º Encontro Nacional do Poder Judiciário

O certificado do Selo foi entregue ao corregedor regional eleitoral de Mato Grosso, desembargador Luiz Ferreira da Silva, durante o 10º Encontro Nacional do Poder Judiciário, que aconteceu nos dias 05 e 06/12, na Sede do Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília.

Durante o evento foram aprovadas as Metas Nacionais a serem cumpridas pelos órgãos do judiciário em 2017. Na ocasião também o CNJ divulgou como foi o desempenho parcial dos tribunais em relação as Metas de 2016.

Participaram do evento, presidentes e corregedores dos tribunais e conselhos de justiça, além de membros da área de governança e gestão estratégica dos órgãos do judiciário. O TRE-MT foi representado pelo corregedor regional eleitoral, desembargador Luiz Ferreira da Silva, pelo juiz auxiliar da Presidência, Lídio Modesto da Silva Filho, pelo coordenador jurídico administrativo da Corregedoria, Mauro Sérgio Rodrigues Diogo e pelo assessor de planejamento e gestão estratégica, André Luiz Régis Emidio.

No dia 05/12, aconteceu a conferência magna – Justiça, Verdade e Eficiência, que teve como conferista o jornalista Willian Waack, e presidente de mesa a presidente do Supremo Tribunal Federal e do Conselho Nacional de Justiça, Ministra Cármen Lúcia. Logo após, foi apresentado um panorama dos Tribunais Superiores, tendo como presidente de mesa, o vice-presidente do STF, Ministro Dias Toffoli e expositores os ministros: Luiz Fux, Laurita Vaz, Ives Gandra Filho e Willian de Oliveira Barros.

Ainda no dia 05/12, foi exposto o painel – "O cidadão e a sociedade: o judiciário na atualidade" e apresentados os resultados parciais das Metas Nacionais do Poder Judiciário para 2016.

Já nesta terça-feira (06/12), ocorreram reuniões setoriais com os corregedores dos Tribunais e ao final do evento, o CNJ anunciou as Metas Nacionais de 2017 para o Poder Judiciário.

 

Jornalista: Andréa Martins Oliveira

Últimas notícias postadas

Recentes