Segunda via do título de eleitor

É o serviço que emite um novo título ao eleitor, quando o anterior foi perdido ou extraviado, sem alteração dos seus dados cadastrais.

A Justiça Eleitoral disponibiliza o e-título a todos os eleitores, por meio de aplicativo de telefone celular tipo smartphone, e de forma gratuita, que serve como uma espécie de "segunda via digital". Como a apresentação do e-título dispensa que seja apresentado o título em forma física, a via impressa do título tem sido cada vez menos necessária, bastando que os dados do eleitor estejam corretos e sua situação no cadastro esteja como REGULAR.

  • A segunda via do seu título eleitoral pode ser acessada por meio digital pelo aplicativo e-título, disponível para telefones celulares (smartphones). É grátis, prático e muito útil!
  • Caso precise de segunda via do título e não disponha de telefone celular apto para baixar o aplicativo e-título, poderá obter pela internet uma certidão de quitação eleitoral (clique aqui para obter o serviço), que possui os mesmos dados do título eleitoral, sem que precise se deslocar ao Cartório Eleitoral.
  • Em último caso, se imprescindível, poderá requerer a segunda via impressa de seu título. Mas ATENÇÃO: nesse caso, entre em contato inicialmente com o Cartório Eleitoral para saber as formas de atendimento (veja aqui as formas de contato com a sua Zona Eleitoral) e, se necessário, agendar seu comparecimento.

 

Requisitos

  • Quitação com a Justiça Eleitoral.

 

Documentos necessários

  • Documento oficial de identidade com foto.

 

São aceitos como documento de identidade com foto:

  • e-título;
  • Carteira de identidade (RG);
  • CNH válida (não vencida);
  • Passaporte válido (não vencido);
  • Carteira de identificação emitida pelos órgãos criados por lei federal, controladores do exercício profissional, como por exemplo: CRM, CREA, OAB, CRO, etc.

 

Notas importantes sobre a segunda via

  • e-título está sempre disponível como uma segunda via digital para o eleitor (não será exigido o papel impresso do título, caso o eleitor apresente o e-título), de forma gratuita, basta instalar o aplicativo em seu telefone. Já a segunda via em documento impresso apenas pode ser requerida até 60 dias antes das eleições se fora de seu município de votação, ou 10 dias antes das eleições se no mesmo município onde vota. Evite trabalho e gastos desnecessários, baixe o e-título!
  • A emissão da segunda via em meio impresso exige a presença do eleitor, sendo proibido seu requerimento por procuração.