Comissão Especial de Premiação

Segundo o Art. 8° da Resolução nº 1.968, de 16 de dezembro de 2016, até o final de cada ano eleitoral será constituída comissão especial composta por no mínimo, três servidores, que receberá os pedidos de inclusão de dados pelos interessados e outras atribuições.

  • A Portaria nº 451, de 9/10/2018, constituiu a Comissão com a seguinte composição:
Membros titulares Luciana Almeida Amorim Callejas
Simeres Albuquerque de Godoy
Franklânio Soares Maciel
Membros Suplentes Daniela Balceiro Rahuan
Janete Clementino do Livramento
Rosineide Paes Leme Ferreira Soaes
  •  A Portaria nº 54, de 20/02/2017 nº 54, de 20/02/2017, constituiu a Comissão com a seguinte composição
    Presidente Membros
    Coordenadora de Educação e Desenvolvimento Assessora I do Gabinete da Secretaria de Gestão de Pessoas

    Assistente II do Gabinete da Presidência

    Assistente I do Cartório da 51ª Zona Eleitoral - Cuiabá

    Assessora de Comunicação

    Assistente IV da Secretaria de Administração e Orçamento
    :

 

Segundo o Art. 8° da Resolução nº 1.968, de 16 de dezembro de 2016, são atribuições da Comissão Especial de Premiação:

Receber os pedidos de inclusão de dados pelos interessados e outras atribuições, como:

I- Publicar no Diário da Justiça Eletrônico (DJE), até o primeiro dia útil do mês de abril de cada ano não eleitoral, o edital contendo as regras para a participação do servidor nas etapas do sistema de reconhecimento e premiação, entre as quais:

a) a atribuição da pontuação prevista para cada ação prevista o artigo 3° desta Resolução;

b) a definição das ações, eventos e matérias de interesse da Justiça Eleitoral;

c) a forma e os prazos para inclusão, pelos interessados, de suas informações para fins de participação no sistema de reconhecimento e premiação;

d) o cronograma das etapas de realização dos atos para a efetivação das premiações para o biênio a que se refere.

II - Definir os eventos externos, matérias e assuntos de interesse da Justiça Eleitoral para efeito de pontuação.

III- Encaminhar, para apreciação das autoridades indicadas nas alíneas deste inciso, as ações que poderão ser recomendadas para implantação em outras unidades ou  Cartórios Eleitorais:

a) Presidente: ações implantadas pelos servidores lotados nas unidades vinculadas à Presidência, incluindo a Ouvidoria Eleitoral e os Gabinetes dos Juízes Membros;

b) Corregedor: ações dos servidores lotados na Corregedoria e nos Cartórios Eleitorais;

c) Diretor-Geral: ações dos servidores lotados nas demais unidades.

IV - A nalisar e atribuir pontuação aos programas e ações inscritas pelos servidores.

V- Divulgar, a cada trimestre, a lista de classificação;

VI - Promover ações para aquisição dos prêmios previstos no art. 6°;

VIl- Reunir os prêmios e organizar a cerimônia de premiação.