Comissão de Segurança da Informação

A Portaria nº 101, de 15/3/2017 constituiu a  Comissão de Segurança da Informação para, no âmbito deste Regional, desempenhar as atribuições definidas pela Resolução TSE nº 23.501, de 19/12/2016.

 

Conforme o art. 23 da Resolução TSE nº 23.501 compete à Comissão de Segurança da Informação:

I - propor melhorias a esta PSI;

II - propor normas, procedimentos, planos e/ou processos, nos termos do art. 6º, visando à operacionalização desta PSI;

III - promover a divulgação desta PSI e normativos, bem como ações para disseminar a cultura em segurança da informação, no âmbito do Tribunal Eleitoral;

IV - propor estratégias para a implantação desta PSI;

V - propor ações visando à fiscalização da aplicação das normas e da política de segurança da informação;

VI - propor recursos necessários à implementação das ações de segurança da informação;

VII - propor a realização de análise de riscos e mapeamento de vulnerabilidades nos ativos;

VIII - propor a abertura de sindicância para investigar e avaliar os danos decorrentes de quebra de segurança da informação;

IX - propor o modelo de implementação da Equipe de Tratamento e Resposta a Incidentes de Redes Computacionais (ETIR), de acordo com a norma vigente;

X - propor a constituição de grupos de trabalho para tratar de temas sobre segurança da informação;

XI - responder pela segurança da informação

 

A comissão de Segurança da Inforação é composta pelos seguintes servidores, conforme Portaria nº 101/2017, alterada pela Portaria nº 399/2017:

Gestor Membros Gestor de Segurança da Informação
Diretor(a)-Geral

Assessor(a) da Presidência

Coordenador(a) da Corregedoria Regional Eleitoral

Secretário(a) de Administração e Orçamento

Secretário(a) de Tecnologia da Informação

Secretário(a) de Gestão de Pessoas

Secretário(a) Judiciário

Assessor(a) de Comunicação

Assessor(a) de Planejamento e Gestão Estratégica

Coordenador( a) de Controle Interno e Auditoria

Secretário de Tecnologia da Informação