Programa Cidadania em Debate discute política de cotas em universidades públicas

50% das vagas, por curso e por turno, são destinadas às cotas sociais e raciais

Entrevista com a Professora Erivã Garcia TRE - MT

Se você está se preparando para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), preste atenção na política de cotas raciais e sociais para ingresso nas universidades públicas. Hoje a legislação prevê a reserva de 50% das vagas nas universidades, por curso e por turno, para alunos que fizeram todo o ensino médio em escolas públicas. Os outros 50% são para a livre concorrência.

 

As cotas são ações afirmativas aplicadas em vários países, para reduzir as disparidades econômicas, sociais e educacionais entre pessoas de diferentes etnias e níveis sociais. Os indígenas também são atendidos pela política de cotas para ingresso nas universidades públicas brasileiras.

 

Quer saber mais sobre este tema? Assista ao programa Cidadania em Debate, produzido pelo Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso em parceria com a TV Assembleia. O programa fica disponível em HD, no canal Youtube do TRE-MT.

 

O Cidadania em Debate conversou com a professora Erivã Garcia Velasco, pró-reitora de assistência estudantil da Universidade Federal de Mato Grosso. E ela garante: os estudantes atendidos pela política de cotas tem desempenho semelhante aos que ingressam nas universidades públicas pela livre concorrência.

 

Matéria: Mariane de Oliveira Weisheimer

Assessoria TRE-MT

Curta a página do TRE-MT no facebook: https://www.facebook.com/tremtoficial/

Acesse o Flickr do TRE-MT: https://www.flickr.com/photos/tre_mt/

Acompanhe o TRE-MT pelo Twitter: www.twitter.com/oficial_tremt

Siga o TRE-MT no Instagram: https://www.instagram.com/tre_mt

Últimas notícias postadas

Recentes